Midá Kenégued Midá, a régua de Deus

“Com a medida com que tiverem medido
vocês serão medidos…”
(Mc 4:24)

Imagine-se um rei muito poderoso e que precisa criar uma maneira de estabelecer a medida que usará tanto para recompensar como para punir seus súditos por suas atitudes. Certamente, muitas seriam as possibilidades, porém todas apresentariam, em alguma proporção, aspectos que poderiam não ser tão justos em determinadas circunstâncias.

Pois bem, em algum momento da eterni­dade, Deus precisou firmar esse critério e, como em tudo o que faz, lançou mão da simplicidade e da perfeição.

Em sua infinita sabedoria, fez o seguinte: permitiu que, por meio da maneira como nos comportamos com nossos semelhantes, nós mes­mos forjemos a régua que Ele usará conosco para nos recompensar ou nos punir, conforme obedeçamos ou não a seus Mandamentos.

Em outras palavras, a medida que usarmos com o próximo Ele usará conosco (atente-se para a ótima notícia: há total liberdade para estabelecer essa medida!).

Assim, na mesma intensidade que formos generosos, bondosos, misericordiosos, criteriosos ou exigentes com as outras pessoas, igualmente o Céu será conosco.

No judaísmo, os rabinos ensinam que esse é um princípio aplicável a todas as áreas da vida: finanças, honra, socorro, perdão, justiça etc., e o denominam Midá Kenégued Midá, ou seja, Medida por Medida.

No Talmude aprende-se que “… O céu mostra misericórdia àquele que é misericordioso para com os outros, mas não mostra àquele que não o é” (Shabat 151b) e ainda “Com o instrumento de medida com que o homem mede, ele será medido” (Tsedacá e Chessed, cap. 1, p. 11). O rabino Zusha (1718-1800) certa vez asseverou: “… o Todo-Poderoso conduz-se conosco conforme nós nos conduzimos com os outros”.

Mas seria esse um princípio religioso específico do judaísmo, capaz de produzir efeitos apenas entre os adeptos dessa religião ou é algo universal, isto é, aplicável a todos os seres humanos? Sem dúvida, ele se aplica a todos.

CONTINUA…

Está gostando deste texto? Adquirindo o livro “Princípios para a Vida”, no link abaixo, você lê ele completo e ainda me incentiva a escrever cada vez mais.

262 pessoas leram esse artigo
Sobre o autor

Henrique Lima

Sobre o autor

Henrique Lima

Henrique Lima é advogado atuante em defesas de servidores públicos civis e militares, de trabalhadores da iniciativa privada, de profissionais liberais, de associações, sindicatos e empresas em temas envolvendo direito administrativo, tributário, previdenciário (INSS e RPPS), do trabalho e do consumidor.

 

É mestre em direito pela Universidade de Girona – Espanha e pós-graduado (lato sensu) em direito constitucional, direito do trabalho, civil, consumidor e família. É sócio do escritório Lima, Pegolo & Brito Advocacia (www.lpbadvocacia.com.br) que possui unidades em Curitiba-PR, Campo Grande-MS, Cuiabá-MT, Rio Brilhante-MS, Dourados-MS e Aquidauana-MS, mas atende clientes em vários Estados brasileiros.

Saiba mais sobre o autor

Vamos conversar sobre esse assunto?

Preencha o formulário para que eu ou alguém de minha equipe possa entrar em contato com você.

Exames, atestados, apólice, etc. e tudo que você acredita que possa me ajudar entender seu caso

Fale comigo por E-mail ou